quinta-feira, julho 19, 2007

No carro!

Numa cidade israelita a polícia, conforme noticiou a Reuters, teve de acorrer a um congestionamento de trânsito num importante acesso da cidade... tudo porque, em pleno dia, sem poder esperar mais, um casal imobilizou o veículo no meio de uma estrada principal e ali mesmo deu largas ao seu desejo sexual.

Claro que os outros veículos ou não podiam passar, ou abrandavam muuuiiiitttooo para poder observar e invejar.
Eu estou ligeiramente preocupada: ía jurar que ninguém tinha dado por nada... e não estou bem a perceber o que é que estava a fazer em Israel!
... é certo que aquilo é Terra Santa... só agora percebo o significado da expressão «Levaste-me ao Céu»

dass

16 comentários:

Paulo Dâmaso disse...

"Ai meus deus, ai meus deus!"

Taxi Driver disse...

Isso no meu táxi é "o pão nosso de cada dia"! ;)

Capitão Merda disse...

Deviam estar mesmo desesperados, facto que não surpreende nos semitas...

R.S. Osservatore disse...

Não era muito mais romantico, trocarem todos os radares que plantaram em lisboa, por Smart's com jovens apaixonados a fazer amor?

gaivota disse...

Mas por quê no carro ? Algum fetiche com a manete das mudanças? O cheiro a gasolina acirra os sentidos? O bafo no vidro frio é romântico para desenhar corações trespassados ? O tabelier tão liso estimula a sensibilidade dérmica?
Noutros tempos mais seguros mas, igualmente, de atrevimento juvenil, havia muitos carros estacionados, à noite, na estrada do Cabo Mondego...

Anónimo disse...

Dass
Quando quiseres ires a Israel está à vontade
Esse pseudo capitão não sabe o que diz

Pedro & Pedro (filho) disse...

ah ah ah ah ah...
Que trenga!!
Gostei! Parabens!
Bom fim-de-semana!
bjinhos.Pedro

Capitão Merda disse...

Cara Dass:
Como não estou em minha casa, vou conter-me e deixar sem resposta o(a) Anónimo, não sem lhe lançar o repto para aparecer na minha naviarra, para que eu possa responder-lhe adequadamente.
Entretanto, aconselho a esse/essa adepto(a) do judaísmo a leitura da Genealogia da Moral, de Nietzshe.
Isto, no pressuposto de que a pessoa em questão seja capaz de ler algo para além do Diário de Coimbra, ou coisa que o valha...
Perdoe-me este tão extenso comentário.
Cumprimentos

Capitão Merda disse...

Ah, esqueci-me...
"pseudo capitão" não é coisa que uma pessoa tão culta como o(a) Anónimo(a) escreva...
O "pseudo" exige sempre um hífen junto à palavra que se pretende juntar. Ou seja, deveria ter dito pseudo-capitão...
Não tem que agradecer!
E mais não digo, que a minha cara Dass não tem culpa nenhuma.

Capitão Merda disse...

E já agora, não volto a comentar aqui.
Você não merece isto!
Até sempre...

dass disse...

Meu caro Capitão,

Espero que volte e que comente à vontade, isto não é uma Naviarra, mas é sempre bem recebido!

E alguém tem de animar o blog!

Acácio Simões disse...

MAS...se os judeus não dão nada a ninguém! Porque é que a gaja estava a dar????!!!!

Viver Um Novo Fim disse...

Estou mesmo aver que ás vezes há grandes urgências, vitais, mas... claro que impedem o transito...
Finalmente a paciência é a melhor coisa que se pode ter

Viver Um Novo Fim disse...

Reli o que escreveu e até pensei... consegui compreender que há coisas que muitas vezes escrevemos pensando ou não, com objectivos ou não ou até sem nenhuma má intenção mas por vezes podem ser mal interpretadas....
"O que sai da boca do homem não mata mas o que entra pode matar"
Viver com os outros não é fácil.
Desejo-lhe um maravilhoso fim de semana com muita alegria muita paz e bastante sucesso.

O apeado disse...

Estou farto, mas mesmo farto de aqui vir e levar sempre com este post do carro!!!!!!!! Ainda por cima numa fase em que ando...... apeado!!!!!!

Onde há Galo... disse...

Código da Estrada: Crianças no banco da frente podem dar origem a acidentes; acidentes no banco de traz podem dar origem a crianças. Moral da "estória": desrespeite a lei... se isso lhe der prazer.

eXTReMe Tracker