terça-feira, julho 24, 2007

Fim de semana a la carte!

Sábado a noite começou no Studio Bergas... e o seu varandim pintado de fresco. Por favor não encostar!

Música agradável... e um amigo indeciso entre a amêndoa amarga e uma outra bebida, o que o obrigou, contra a sua vontade, eu sou testemunha, a repetir a experiência várias vezes para se decidir. Isso e a beleza da menina do bar.

Descanso numa pequena sala, de um lado um casal hetero e do outro dois casais de lésbicas. Serenas, como qualquer casal concentrado em si próprio. Ali estava eu a fazer n.º ímpar sem perturbar e sem ser perturbada... até porque eu já estou habituada... anos e anos a desestabilizar as mesas, as dormidas nas saídas em grupo, os lugares nos automóveis... basicamente uma pedra na logística. Mas confesso que, com a sorte que tenho, já só esperava que entrasse outra mulher... Eu já estava de saída, hey - não, não é a música dos pixies, não estou a tentar conhecer-te - é só para dizer que não jogo nesse clube!

Mas não. Ao meu lado sentou-se o meu amigo. Com ele vieram mais espécimes masculinos e claro, a originalidade do género... sideraram nos casais femininos... ui eles tinham tanta esperança. Qual foi a parte de «homem não entra» que realmente não entenderam?

Se aquelas mulheres dissessem: decidimos que vamos levar um de vocês para se juntar a nós esta noite, tinha sido o motim, para garantir a eleição... Se eu morrer e reencarnar homem devo ficar a perceber esta tara!

Já no Bergantim... bem podíamos esperar por quem não veio, há fins de tarde tão cansativos! Eu só me cansei a dançar, a música estava extraordinária... a manhã a chegar rapidamente e eu a explorar o pobre amigo em danças e abraços.
Vou ao bar e peço um sumo de laranja e umas meninas ao meu lado pedem outras bebidas quaisquer. Apresentam o cartão, as bebidas são marcadas e quando servem o sumo de laranja arrancam com ele e deixam lá os copos que pagaram para mim... a isto é que eu chamo levar uma escolha até ao fim! Ouve lá... então mas o sumito não pode ficar? Tinha gelo mas nem sequer tinha palhinha... devolve já isso!
A certa altura, ou a coisa estava muito quente e eu não sentia nada, o que era grave... ou algo se passava! Tinha sempre o meu braço esquerdo molhado... Então não é que ao meu lado estava um senhor de fato patrocinado pela super bock. Sim, de fato completo, cinzento... completamente encharcado em cerveja... O Pires de Lima não brinca em serviço, aquilo é que é uma técnica agressiva de publicidade! Quer dizer... agora que penso nisso, de fato completo dentro da discoteca... às tantas aquilo era suor... já vos disse que de bebidas não percebo nada!
A novidade por lá são as animações de vídeo do Mestre... confesso que não prestei atenção, mas ele estava concentrado à séria... aposto que eram perfeitas. Pronto, para a próxima não danço, fico a ver os desenhos animados! Põe lá o panda, pá!
O segurança tinha cortado o cabelo com toques de genialidade... ou seria de ingenuidade de quem confia a tesoura a uma louca? Sim, ela é minha amiga, mas eu não cometia essa loucura, para a próxima pede conselho que eu explico... curiosamente não era ao segurança que entregavam telemoveis e pediam para tirar fotos do próprio para ficarem registadas... Havia outros cortes de cabelo a fazer sucesso!
No alto (pronto, eu sei que sou baixa, mas estava na escada, por isso mantenho), no alto dos meus 32 anos... já vi enrolar muita coisa... até chá já vi fumar. Minhas queridas crianças, eu não sei queimar chocolate e enrolar... mas confesso que estive quase para ir lá tentar! Aposto que nem eu demorava tanto tempo. Foram precisos 4 rapazes e uma rapariga, e seguramente alguns 30 minutos de isqueiro para fazer um cigarrito tão pequenino? Até a mim me incomodou, Santa Incompetência, vão para casa treinar!
Sim, um fondue de chocolate é conotado como algo muito romântico, até erótico... mas também não precisavam de ser logo adeptos da modalidade tântrica.
Ensaiamos 3 vezes o regresso a casa... eu pedinchava que só queria ouvir mais uma música, depois era a minha companhia que só queria ver mais uma deusa... fila do bengaleiro e... Placebo, vamos de regresso para a pista.
Digamos que passamos lá a noite e íamos passando lá a manhã também! Já me estava a ver a usar a chave grande para fechar a porta! Só cá fora é que eu achava que tinha um objecto estranho no pé, alguma coisa colada que me estava a aleijar dentro da sandália... pois tinha, era um calo!
Noite longa sem tratado de paz... nem sequer uma ronda de negociações.
Era suposto dormir a seguir... mas a insónia não deixou. À tarde resolvo ir até à praia ordenar uns pensamentos turbulentos e supostamente relaxar e dormir... aiiiii levem-na! A minha amiga A consegue por protector 5 vezes em uma hora, ser campeão do mundo da modalidade de «sacuda a toalha o maior n.º de vezes que conseguir», puxar o biquini, arranjar o biquini, por boné, tirar alsa do biquini, ter frio, vestir-se, voltar o sol, despir-se... falar, falar, falar...
Obrigada A. à noite dormi que foi uma beleza! ahaha sabes que te adoro e só vou à praia contigo!
E na praia lá andava uma paparazzi, uma avó que conseguiu passar duas horas seguramente a filmar e a fotografar um bebé em todos os ângulos possíveis e imaginários... por favor, é um bebé, é pequenino... não tem assim tantos ângulos!
O que nos intrigava a nós era: onde raio é que a cota conseguiu sacar equipamento com tanta bateria???
Não sabemos bem exactamente para quê... mas bateria tão prolongada havia de ter uma utilidade qualquer para nós!
dass





15 comentários:

Anónimo disse...

eu agora praia só naquele oásis do Sul, lá eu fico quietinha a ver ...o mar claro.bjocas minha louca

O careca disse...

Ao menos alguém que tenha tido um fim-de-semana a sério. Só foi pena não haver uma descrição do tal penteado que fazia sucesso, assim eu sempre podia adoptar o dito e ver se me safava!!!!

Kátia disse...

Hahaha.Final de semana agitado!E pelo visto bem aproveitado!
Bem fez você...eu de cá...só trabalho,trabalho,trabalho.
Em breve ou assim irei me presentear com um weekend desses!
Abraços soteropolitanos!

4ever... or never disse...

Pois... tiveste realmente um fim de semana agitado, como diz a Kátia.. o que importa é que me parece que te divertiste.. so isso é que conta!
Quanto ao teu desafio.. foi uma boa ideia.. gostei de ler o que tu escreveste no teu blog.. e adorei escrever porque.. quase sem dar por isso... recordei imensas coisas que estavam guardadas no baú das recordações! e sabes, o que me parecia complicado à primeira vista, porque pensava nao ter tantas casualidades.. de repente já tinha as sete e muitas mais!
Só te posso dizer: Obrigada por me teres desafiado!
Quanto aos desafios que fiz.. poucos ainda responderam.. mas é época de ferias... preguiça...

ZZZZ disse...

DASS back in business! Fico feliz por ver que que divertes!

Amsilva disse...

fim de semana agitado, pa quem se queixa de estar encalhada não parece ter sido assim tão mau...
é assim tão complicado ser celibataria??? se não for fico nesse grupo

Capitão Merda disse...

Estava a ver que tinha de tirar a tarde para ler este "post"...
Vejo que você se diverte à brava!

gaivota disse...

De novo, estão de volta os textos de interessante qualidade literária.Parabéns!

Pensamentos Felizes disse...

Ora pois... de ler-te apercebi-me o quanto me apetece uma noite destas... all night on ;)
Quanto às casualidades, tenho outras, daquelas que nem lembra o Diabo mas foi melhor omiti-las do blog hehehe!

Anónimo disse...

este fim-de-semana: aTascAqui

o reporter no local disse...

a senhora cometeu uma gafe, não era a avó mas sim a mãe o paparazzi...

Paulo Dâmaso disse...

os putos que venham pedir lições que eu ensino-os a enrolar... tapetes! ahaha

Anónimo disse...

Boas férias querida. Beijinhos e um grande....desejo.

Mx disse...

Deve andar azia por esses lados, nao te encontrei no sabado ah noite pelos sitios habituais... humm.. tou-te a estranhar!!! Bjo

Anónimo disse...

eheheh gostei mesmo foi da parte do chocolate... fez-me lembrar à uns anos no Sudoeste... uma betinha, toda bem vestida, que não devia ter mais de 14 aninhos a tentar fazer uma sopinha com uma pedra do tamanho do mundo!! O QUÊ... VAIS FAZER ISSO TUDO?! Porquê achas que é muito?!!! Afinal ela não percebia mesmo nada daquilo... ofereci os meus préstimos e enrolei-lhe uma grande moca com 1/20 daquilo que ela queria queimar ... Fiz a minha boa acção... afinal ela podia ter morrido ... pois meus amigos aquilo era droga e droga mata...e faz mal...e por falar nisso já ia qualquer coisita... boda henre aí... PG

eXTReMe Tracker