quinta-feira, agosto 30, 2007

O que uma filha atura a uma mãe...

A minha mãe acaba de vir ao meu escritório com uma amiga, munida de um «faz tudo»... e tendo eu duas janelas sacadas no dito, aplicaram um único cortinado/estore (qualquer coisa do género) em palhinha numa das janelas... e curiosamente o objecto fica pendurado a um metro e meio do chão, a baloiçar, porque não mediram a coisa e, portanto, ele tem metade da altura necessária...

E cá está, este objecto de culto!

Dá-se alvíssaras a quem me disser como é que eu faço para «acidentar» este meio cortinado!

P.S. Bem... esta tarde houve pelo menos um motivo divertido no meu escritório... ainda não houve quem entrasse que não tentasse perceber a mecânica do estore... cara de espanto... e aposto que naquele olhar estupefacto e fixo estão a tentar perceber se ele estica até ao chão ou se é mesmo assim!

dass

11 comentários:

Capitão Merda disse...

Talvez um cigarrito aceso lá por perto...

Anónimo disse...

és uma mal agradecida... a tua mae preocupada contigo e tu a desdenhar desse cortinado fabuloso

Anónimo disse...

Só faltava uma advogada pagar para resolver um problema. Com os seus clientes que não pagam, o próximo balanço será excelente.

Pedro & Pedro (filho) disse...

ah ah ah ah ah ah...
Estou aqui a partir-me todo a rir! (obrigado pela boa disposição!!)
É complicado a situação, a oferta da mão, mas nós nem sempre temos os mesmos gostos deles.
Tem paciencia!
Bjinhos.Pedro

Pensamentos Felizes disse...

eheheh!!! se quiseres levo aí o meu filho, é só dizeres onde é o dito escritório, sempre é uma opção mais segura que o cigarrito aceso ;)

Pensamentos Felizes disse...

eheheh!!! se quiseres levo aí o meu filho, é só dizeres onde é o dito escritório, sempre é mais segura que o cigarrito aceso ;)

Storm disse...

estou aqui há 5 min a rir à gargalhada a imaginar a situação. desculpa mas é impossível não rir...
então e depois de verem que o estore não serve deixaram-no na mesma?
o melhor mesmo é deixar algum curioso experimentar se ele estica até ao chão... de preferencia um despassarado.

4ever... or never disse...

Uma sugestão.. num dia de muito vento.. coisa fácil na Figueira!... deixas a janela aberta, por esquecimento, claro... (sei do que falo!)
depois é só falares com a mamã.. contares o que aconteceu.. ( um acidente, naturalmente) e pedir-lhe que desta vez te leve um com as medidas certas.. No caso de nao gostares do que ela te levou aproveitas para sugerir aquele que preferes dizendo que esse é demasiado fragil..
Ajudei?

Cliente anónimo disse...

A mim o que me espanta foi terem conseguido pendurar o estore. É que eu conheço o escritório em causa e sei que essas paredes nem um misero placard de cortiça aguentam!!!!!!

jorge c. disse...

Light it up and say oooooops!

dass disse...

Cliente Anónimo: Contra as paredes aguenta-se um quadro de cortiça e muito mais, hahah, é preciso é que o quadro não tenha sido baptizado e não seja utilizado para fazer voodu vingativo! Pronto, qualquer coisa que fixe o quadro também é uma ajuda... porque o raio da gravidade faz um estrago!

eXTReMe Tracker