terça-feira, novembro 20, 2007

Chávez atira aos espanhóis e Sócrates vira peneira!

Chávez vem a Lisboa a convite de José Sócrates e vai, naturalmente, aproveitar o palco da União Europeia e sobretudo o cenário ibérico para fazer provocatórias declarações contra o Monarca e o PM espanhóis... Sempre quero ver se Sócrates tem tintins para resolver este cocktail Malakoff diplomático.
De um lado nuestros hermanos e de outro lado um louco que promete tornar-se eterno, até um golpe de estado, à frente de um país que é uma apetecível «mina» de petróleo, onde a Galp dá passos importantes.
dass

7 comentários:

Hertz disse...

Pro bem e pro mal!...acaso Chavez não ganhou as eleições democráticamente!?ou foi só o Sócrates quem as ganhou?

Anónimo disse...

Se Sócrates não tiver tintins para comer un malakoff, manda-lhe com um cocktail Molotov, e arruma o caso Chavez.
Estás boa como o melhor chocolate.
Kiss

Rato disse...

Chávez é índio. D.Juan é um Borbón. Façamos um 'supunhamos'(deve ser lido à moda nortista). Que Chávez era o Samora Machel e que o Borbón era representado por um dos PR portugueses. Que numa daquelas reuniões da CPLP, o PR diz pró Samora. "Cala-te!"
O que é que mudava na equação, senhores comentadores (não me refiro aos do blog) com acesso a uma tribuna jornalística?

Quanto ao Malakoff, espero que se refira a este link: http://pt.wikipedia.org/wiki/Torre_Malakoff
a forma é sugestiva, mas não estava a insinuar nada a respeito da virilidade do homem, pois não?!!!!!

GRaNel disse...

Talvez Socrates resolva tudo com o seu charme e remate comum "Porreiro pá!"

Pedro & Pedro (filho) disse...

Estou como tu!
Quero ver o que o nosso PM vai fazer! Com este caso!!!
Estou espectante!
Bjinhos.Pedro

Simplesmente eu... disse...

Já sei onde o Alberto João Jardim vai buscar a inspiração para aqueles disparates que teima em dizer!

pt-livre disse...

http://www.olavodecarvalho.org/

eXTReMe Tracker